Entenda como atividades interativas podem contribuir para o aprendizado dos seus alunos



No mundo tecnológico de hoje, é um desafio sempre crescente manter os alunos motivados e focados no aprendizado. Diante da teoria e da apresentação tradicional dos conteúdos, muitas vezes os alunos se sentem desanimados, apresentando pouco ou nenhum interesse pelo conteúdo apresentado.

 Para mudar esse panorama tão familiar em nossas salas de aula, uma proposta interessante, mas não inovadora, tem sido a promoção de atividades interativas aos alunos, ou extraclasse.  Aliando a teoria à prática, o aluno aprende com prazer, encontrando finalidade e significado nos conteúdos passados em sala, além de apresentar melhor retenção e compreensão da matéria estudada.

Para aprender é preciso uma situação mobilizadora, que tenha sentido e que provoque uma atividade na qual o aprendiz se envolva pessoal e duradouramente (PERRENOUD, 2004, p.55). As atividades interativas propiciam isso, com o envolvimento profundo dos alunos, deixando a matéria de ser enfadonha e distante do cotidiano deles. A gama de possibilidades é praticamente ilimitada, visto que todas as matérias vistas em sala podem ser complementadas brilhantemente dessa forma.

Língua Portuguesa e Literatura

Por mais que utilizemos o português para nos comunicarmos a todos os instantes, o estudo da língua costuma ser visto como maçante e complicado pela maioria dos alunos.

Quando o assunto é literatura, a situação piora muito, pois acostumados à praticidade e à rapidez da internet, os alunos não se sentem motivados a ler textos longos.

Para mudar esse cenário, os estudantes podem ser levados a oficinas de texto, a livrarias, feiras de livros, teatros, eventos literários, para reforçar a compreensão da língua portuguesa.

Nesses eventos, o aluno além de criar gosto pela leitura, compreende que a leitura é uma porta para ter uma visão de mundo mais ampla, reforçando de quebra seus conhecimentos sobre a gramática e o uso da língua culta.

Para desenvolver no aluno a habilidade e o gosto pela escrita, o professor pode incentivá-los a fazer e recitar poesias, ler e cantar letras de músicas, promover a produção de um jornalzinho escolar, atividades que requerem do aluno a leitura e produção de textos.

Para mostrar o reconhecimento pela produção literária dos alunos, o professor pode apresentar os trabalhos produzidos em um mural na escola, para apreciação de todos os alunos, ou publicar os conteúdos elaborados em um blog.

Aperfeiçoando suas competências de leitura, escrita e conhecimentos gramaticais, essas atividades têm seu valor principalmente pela possibilidade de ultrapassar o paradigma professor/aluno, tornando a criança capaz de produzir algo por si própria e procurar em si mesmo novas perspectivas e finalidades para seu aprendizado.

História, Geografia e Artes

O mesmo resultado pode ser obtido com as disciplinas de História e Artes, visitando museus e galerias de arte, propiciando leitura de jornais e revistas, permitindo o aluno que verifique por si os fatos apresentados, podendo desenvolver um olhar crítico sobre o mundo.

Visitando museus, o aluno pode perceber a intemporalidade e a atualidade dos fatos históricos, e como eles influenciam o mundo em que ele vive hoje. Procurar conhecer as histórias das pessoas mais influentes, como viviam os povos em diferentes épocas, tudo isso o faz perceber que ele, hoje, na época em que vive, também é um sujeito ativo e participante da História do mundo.

Em Geografia, excursões a planetários, zoológicos e museus ajudam o aluno a conhecer diferentes lugares, suas particularidades, além da flora e fauna de cada um deles. A visita a planetários é especialmente útil, pois, além de dar noções de astronomia, o aluno tem a oportunidade de conhecer melhor o planeta em que vive.

Visitas a museus são também uma excelente oportunidade para se conhecer a produção artística de determinadas épocas e seus desdobramentos, observar as mudanças ocorridas na Arte através do tempo.

Educação Física

Todos conhecemos histórias onde alunos em situação de risco são resgatados pela dança, pelo esporte ou por qualquer outra atividade. Por que não levar essa força mobilizadora para seus alunos?

 A prática de esportes, por exemplo, além de tornar os alunos mais saudáveis, fortalece neles o senso de equipe, o altruísmo, o respeito mútuo e a cooperação. E nada impede que saiam das quadras das nossas escolas os futuros campeões de amanhã.

Montar times e promover campeonatos é uma maneira muito utilizada pelas escolas de fomentar o interesse pela prática de esportes, além de envolver toda a comunidade em seu entorno.

Química, Física, Matemática e Biologia

Um bom modo de estimular o interesse das crianças pelas matérias na área de exatas, consideradas “difíceis”, como Química, Física e Matemática, são as famosas “feiras”, onde o aluno além de aprender, apresenta suas criações, se sente estimulado e valorizado pelo seu trabalho, aprende a trabalhar em conjunto e pode ver as teorias apresentadas em sala colocadas em prática, além de um projeto como esse poder envolver toda a comunidade, se as feiras forem abertas ao público.

Gincanas e competições de Matemática são muito bem-vindas, garantindo o interesse dos alunos de todas as idades.

Toda escola só tem a ganhar ao promover atividades interativas aos seus alunos. A escola, a comunidade, o professor e principalmente o aluno, que se entende não apenas como um mero receptor de conteúdos, mas sim um sujeito de direitos, capaz de produzir suas próprias histórias, capaz de aprender e também de ensinar.

Perrenoud, Ph. (2004). Os ciclos de aprendizagem. Um caminho para combater o fracasso escolar. Porto Alegre: Artmed Editora

 

Sua escola coloca em prática atividades interativas para aprimorar o processo de aprendizagem dos alunos? Compartilhe conosco nos comentários!

infografico inadimplencia

Author Image

Por WPensar

Desenvolvemos a melhor e mais completa plataforma de gestão escolar para instituições de ensino, otimizando a capacidade gerencial e oferecendo uma nova visão da administração.

Deixe seu comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Assine e receba nossos posts direto no seu email